Simuladores híbridos qualificam motoristas de ônibus e carretas

RIO – O Sest Senat (Serviço Social do Transporte/ Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte) ampliou a capacitação dos profissionais de transporte de passageiros e de carga com o lançamento de 60 simuladores híbridos. O equipamento foi lançado no dia 30 de março e permite qualificar o profissional do setor em diversos meios de transporte sobre pneus, desde ônibus urbano a carretas.

A meta é formar 50 mil motoristas no Brasil em três anos. O supervisor do Conselho Regional do Sest Senat, Edélcio Luduvice, explica que o principal objetivo com o simulador híbrido “é aperfeiçoar o treinamento que o profissional tem na instituição para exercer uma atividade mais segura tanto para ele quanto para o setor de transportes”.

Enquanto o motorista é submetido às diversas situações ao volante com o simulador, podendo variar desde vias bem conservadas à rodovias com visão prejudicada pelo mau tempo, instrutores monitoram a simulação em uma sala anexa. Ao término do treinamento, o equipamento emite um relatório que serve para identificar os avanços e pontos de melhorias que se encontraram abaixo dos parâmetros estabelecidos.

A Universidade Corporativa do Transporte (UCT), instituição ligada à Fetranspor, formou mais de quatro mil motoristas através do Programa de Direção por Simulador. São 4 simuladores adquiridos em parceria com o Sest Senat, que atualmente atendem 80 empresas do setor de transporte de passageiros por ônibus no estado do Rio de Janeiro.

Ana Rosa Bonilauri, diretora da UCT, ressalta “a importância do simulador para garantir melhorias de performance do profissional na direção defensiva, promovendo também impactos significativos não só nos resultados da empresa, com a redução de danos no motor e consumo de combustível, como também na Mobilidade urbana como um todo”. “O simulador enriquece o treinamento dado ao profissional, colocando-o como uma figura especial na dinâmica da cidade e na qualidade do transporte”, finaliza a diretora.

01

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *