Fortaleza retira impostos e tarifa custa R$ 3,60

Na capital cearense, o cálculo da tarifa de ônibus segue a metodologia nacional considerando os custos fixos (mão de obra, despesas administrativas, quilometragem) e custos variados (combustíveis, pneus e rodagem).

Desde 2012, a iniciativa privada oferece o serviço de ônibus, em contratos válidos até 2027. A concessão é operada pelo Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros do Estado do Ceará. No contrato assinado entre poder público e as empresas, há uma cláusula que prevê o reajuste (para mais ou para menos) no mês de novembro de cada ano. Segundo a prefeitura, “não existem subsídios para a prestação de serviços, mas uma desoneração na carga tributária” da tarifa.

A tarifa atual é de R$ 3,60 desde janeiro de 2019.

“O peso [dos impostos] na tarifa era de 12,5%, e envolvia taxas como a de gerenciamento, ISS, PIS/COFINS e ICMS. Todos esses impostos foram retirados da tarifa”, diz a prefeitura…. –

Informações do UOL Notícias

Foto: Roberta Tavares/Tribuna do Ceará

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *