Desrespeito à faixa azul já gerou mais de cinco mil multas no Recife-PE

Consolidada como ferramenta de prioridade para o transporte público, a Faixa Azul implantada para ônibus no Recife continua sendo alvo da invasão de motoristas que querem tirar vantagem da via. Nem mesmo as multas já aplicadas parecem impedir a ação. Somente de janeiro a setembro deste ano, foram mais de 5 mil multas aplicadas a veículos desrespeitando os corredores exclusivos, segundo dados da Companhia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU).

Para se ter uma ideia, um mês após a instalação de 25 câmeras de monitoramento na faixa da Desrespeito à faixa azul já gerou avenida Mascarenhas de Moraes, na Imbiribeira, e na da avenida Domingos Ferreira/Herculano Bandeira, no Pina, 1.420 multas foram aplicadas pelos equipamentos nos dois corredores, o que representa uma média de 44 notificações ao dia em menos de 15 quilômetros de vias exclusivas. No ano passado foram aplicadas 3,5 mil multas manuais em todos os corredores exclusivos. Uma média de 9,5 ao dia.

A implantação das vias exclusivas e das câmeras de monitoramento segue lenta. Hoje são 22,9 quilômetros de Faixa Azul – 14 nos dois sentidos da av. Mascarenhas de Moraes, 5,8 quilômetros na av. Engenheiro Domingos Ferreira/Herculano Bandeira, 1,5 km na rua Real da Torre e 1,6 km na rua Cosme Viana (Afogados).

Somando com o corredor da avenida Sul, são 29,5 quilômetros de vias exclusivas para transporte público. A promessa era de 60 quilômetros até o final do ano passado. Segundo a CTTU, faltam recursos. A próxima Faixa Azul será implantada na avenida Recife, Zona Sul, até o início de 2016. O próximo corredor a ter monitoramento é o da rua Real da Torre, que deveria ter sido inaugurado com o serviço.

Fonte: Jornal Destak (www.destakjornal.com.br)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *